sábado, 24 de julho de 2010

Milo participa da comemoração do Dia da Mulher Negra Latinoamericana e Caribenha


O Movimento Cultural de Conscientização Negra Tubaronense (Mocnetu), promoveu o 2º Café com Ideias, na tarde deste sábado, 24, na sede da Sociedade Recreativa 1º de Maio, em Tubarão.
O evento tem como objetivo principal difundir a cultura afro-brasileira com destaque para a participação das mullheres negras na sociedade.
Neste domingo, 25, comemora-se o Dia da Mulher Negra Latinoamericana e Caribenha.
No encontro, promovido pela diração do Mocnetu, que tem como presidente Alaíde Emilia Cardoso Correa, contou com a presença do ouvidor da Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir), Humberto Adami.

Ouvidor da Seppir, Dr. Humberto Adami, e Milo conversam sobre a lei 10.639

O professor Ademir Milo Motta da Silva compareceu ao evento e, como candidato a deputado federal, tem como plataforma de campanha o respeito à diversidade e promoção da igualdade etnicorracial. Uma das lutas de Milo, iniciada ainda quando era secretário de Educação de Gravatal, é de que todos os municípios da região Sul possam seguir a primeira lei sancionada pelo presidente Lula, no dia 9 de janeiro de 2003. A lei número 10.639 estabelece diretrizes e bases da educação nacional para incluir no currículo oficial da rede de ensino a obrigatoriedade da temática “História e Cultura Afro-Brasileira”. Este foi um dos assuntos que Milo conversou com o ouvidor da Seppir, Humbeto Adami. Em 2008, No aniversário de 5 anos da implementação da lei, o governo federal sancionou uma nova lei: a 11645/08, incluindo também a obrigatoriedade do ensino da história e cultura dos povos indígenas.

No "Café com Ideias" não poderia faltar um delicioso café colonial

O evento seguiu à risca o nome "Café com Ideias" e foi servido um farto café colonial para os presentes. Os participantes também tiveram a oportunidade de expôr ideias e sugestões para o fortalecimento do movimento na região.

Milo dialoga com as convidadas Teresinha, Aíde,Rosana e Isabel 
Milo, Orlando e esposa Lucimara, candidato a deputado estadual 
Olávio Falxhetti e Maria Aparecida

Também candidato a deputado estadual, Aldair, o Polaco, a presidente do
Mocnetu, Alaíde e Milo

<< Voltar a Página Inicial

0 comentários:

Postar um comentário

  ©Milo 1320.Site melhor visualizado em 1024x768 ou 1152x864

Modificado por Junior